Pastorais
A VITORIA QUE VENCE (1 JO 5:4 )

22 de julho de 2018

Final de Copa, que evento tremendo
Que deixa lembranças, a alma doendo
De tantos tentando a vitória em vão!
Singela e tão única motivação!

Jogos corridos, o tempo é algoz;
Hinos cantados a uma só voz.
Esperança pulsante em prazer fugaz,
Morta no apito de um juiz audaz.

Que tanto “frisson” que nos faz esquecer
Que há outro “jogo” que se há de vencer,
No qual o outro time, sagaz adversário,
Não joga tão limpo, o espírito é contrario!

Distorcem as regras, desprezam a justiça.
Aos maus chamam bons, cobiça os atiça.
Um mundo em trevas no qual o cristão
Por Deus foi chamado, santa vocação!

De viver no mundo como sal e luz,
De amar ao próximo, de levar sua cruz,
De viver pra Cristo e sobre ele lançar
Toda ansiedade, angustias sem par.

Tendo a fé ardente, que é dom de Deus,
A fé que ao mundo vencendo, os seus
Declaram perante a toda a nação
Que só em Jesus é que há salvação.

Amando a Lei, de Deus os mandamentos
Seguindo o jogo, boas obras seus tentos
Noventa minutos sem prorrogação
Jogados aguardando santa redenção.

Rev. Antonio Alvim Dusi Filho

Share